Se você acha que o e-mail marketing não é uma estratégia eficiente, saiba que está muito enganado. Leia esse conteúdo e entenda o por quê.

Com o crescimento do ambiente digital no Brasil, muitos empreendedores começaram a se questionar quanto a criação de estratégias de e-mail marketing para aquisição, retenção e fidelização de novos clientes.

Muitos deles passaram a se pergunta: será que as ferramentas de e-mail ainda são utilizadas? Será que o e-mail marketing não vem perdendo suas forças e deixando de trazer bons resultados?

Pois então, se você também possui essas dúvidas e não sabe os reais benefícios que as estratégias de e-mail ainda podem trazer para a sua empresa, está no lugar certo!

Nesse conteúdo vamos apresentar 10 estatísticas que mostram a importância do e-mail marketing e, além disso, listar 5 boas práticas para enviar um e-mail eficiente. Confira!

Afinal, vale a pena investir em e-mail marketing?

Se você tem na cabeça que o e-mail marketing é uma estratégia ultrapassada, tire isso da cabeça antes de começar a ler as estatísticas que vamos apresentar.

Mesmo com o passar do tempo e a evolução das redes sociais e canais de comunicação, o e-mail segue sendo uma ótima oportunidade para sua empresa ter ainda mais destaque no mercado digital.

Para provar isso que estamos argumentando, separamos 10 estatísticas sobre a importância do e-mail marketing:

1. Colaboradores de empresas passam cerca de 13 horas da sua jornada semanal de trabalho verificando a caixa de entrada do seu e-mail, segundo dados divulgados pela McKinsey & Company.

2. Segundo a DMA, o e-mail é o canal que mais converte (cerca de 69%), ultrapassando até mesmo as Redes Sociais, que estão em grande crescimento no Brasil e no mundo.

3. 44% dos destinatários de e-mail realizam, no mínimo, uma compra por ano baseado em e-mails promocionais que recebem em sua caixa de entrada, segundo a Convince&Convert;

4. Segundo dados divulgados pela McKinsey & Company, uma campanha de e-mail marketing chega a ser até 40 vezes Email melhor na aquisição de clientes que Facebook e Twitter.

5. Donos de pequenas empresas nos EUA estipulam que investir apenas uma hora do dia em estratégias de e-mail marketing gerar cerca de $273, segundo dados divulgados em uma pesquisa realizada pela ConstantContact.

6. Segundo a Hubspot, cerca de 50% dos usuários de e-mail afirmam ler grande parte dos e-mails que recebem diariamente.

7. Após uma pesquisa, a MarketingSherpa afirmou que 72% das pessoas preferem receber conteúdos promocionais por e-mail do que através das redes sociais.

8. Segundo dados divulgados pela MarketingLand, a média global de e-mails enviados todo mês é de 1,38 milhões.

9. Para você ter ideia, segundo a Pew Research, cerca de 92% dos adultos presentes no ambiente digital utilizam o e-mail, sendo que 61% deles utilizam todos os dias.

10. Profissionais de marketing afirmam que o e-mail marketing é a estratégia mais eficiente para aquisição, retenção e conversão de novos consumidores para as empresas, segundo dados divulgados pela Gigaom Research.

11. O e-mail marketing possui um ROI de 3800%, segundo dados divulgados pela DMA.

12. Segundo pesquisa realizada pela CampaignMonitor com empresas nos Estados Unidos, para cada dólar gasto em e-mail marketing, é gerado um retorno de $38.

 

Boas práticas para enviar um e-mail marketing que converte

Agora que já sabemos a importância do e-mail marketing e quais os resultados sua empresa é capaz de alcançar investindo nessa estratégia, podemos prosseguir com o conteúdo.

Portanto, para que você além de saber os resultados que um e-mail marketing é capaz de gerar, consiga criar campanhas com eficiência, separamos 7 boas práticas que vão te ajudar. Confira:

1. Crie um assunto atrativo para o e-mail

Você sabia que o assunto é a parte principal de um e-mail marketing? Pois então, muitos profissionais de marketing costumam ignorá-lo, ou simplesmente “escrever por escrever”.

Essa é uma atitude totalmente equivocada, pois o assunto do e-mail marketing é o primeiro contato do lead com a sua empresa, ou seja, ele que definirá se a pessoa abrirá ou não o e-mail.

Se for algo insignificante, com pouca atração, pode ter certeza que o seu e-mail será facilmente ignorado. Agora, se for algo trabalhado e bem pensado, a taxa de abertura será muito maior – e, é claro, os resultados também.

Para você saber diferenciar um assunto atrativo de um que pode facilmente ser ignorado, vamos dar um exemplo de cada um deles para você:

Assunto bem atrativo: Descubra o que você está fazendo de errado nas campanhas de e-mail marketing!

Assunto pouco atrativo: Como melhorar uma campanha de e-mail marketing!

Conseguiu ver a diferença? O assunto atrativo vai direto nas dores do cliente e conquista sua atração em questão de segundos. Já o pouco atrativo é um assunto genérico, que não consegue despertar o interesse da pessoa.

Portanto, não esqueça! Procure sempre dedicar um tempo para a criação do assunto e não crie algo genérico, até porque seu e-mail pode acabar indo para o SPAM.

2. Gere valor

Quando a sua empresa envia um e-mail ela está entrando em contato com um potencial cliente. Portanto, quanto mais valor você gerar para essas pessoas, melhor será a reputação da sua marca no ambiente digital.

Muitos empresários desconhecem essa dica e acabam enviando e-mails que não geram valor algum aos leads, e podem impactar drasticamente os resultados das campanhas de e-mail marketing.

Portanto, antes de enviar um e-mail, pense se o assunto realmente terá algum valor para o lead. Assim, pode ter certeza que as suas campanhas terão melhores resultados e a sua empresa passará a vender mais.

3. Trate os leads com formalidade

Como o e-mail marketing é uma ferramenta que pode gerar excelentes resultados para a sua empresa quando utilizado da maneira correta, você deve ter bastante atenção, até mesmo com os detalhes.

Muitos empresários pensam que a formalidade não é uma delas, mas saiba que é e pode impactar negativamente os resultados das suas campanhas quando não utilizada.

Portanto, utilize o nome da pessoa no início do assunto e coloque o nome do remetente no e-mail para passar confiança, credibilidade e fazer com que ele se interesse ainda mais pela sua empresa.

Com essa formalidade, pode ter certeza que os resultados dos seus e-mails serão melhores e farão com que a sua empresa invista cada vez mais nas estratégias de e-mail marketing.

4. Capriche no layout

Muitas pessoas acham que não, mas o layout também influência na experiência do lead com a sua empresa e pode fazer com que ele se interesse ainda mais pelo assunto do e-mail.

Portanto, invista em cores atraentes, escolha as imagens com bastante cuidado e capriche em todo o layout do e-mail. Assim, sem dúvidas os resultados do e-mail marketing serão eficientes e satisfatórios para a sua empresa.

5. Crie um call-to-action que converta

É importante que você tenha em mente que tudo é importante em um e-mail marketing, desde o assunto até o layout. Porém, a call-to-action, ou seja, a chamada para ação, é uma das partes que mais precisam de atenção.

É através dela que a sua empresa vai incentivar a ação do lead, levando ele para um outro lugar que seja do interesse da sua empresa.

Seja para baixar um e-book, conhecer novas promoções ou até mesmo saber um pouco mais sobre a história da sua empresa. É importante que esse CTA seja pensado e trabalho da melhor forma possível.

Para você conseguir ver o que é um CTA eficiente, separamos um exemplo:

Quer saber mais informações sobre as promoções da nossa empresa? Então, clique aqui e visite a página oficial dos produtos/serviços que estão com excelentes descontos!

6. Atenção com os dias e horários dos envios

Os dias e horários dos e-mails também são importantes para que a taxa de abertura seja satisfatória e o e-mail marketing gere os resultados esperados.

Claro que os dias e horários variam muito conforme o perfil do público que a empresa está buscando, mas, normalmente, o ideal é não enviar esses e-mails nos finais de semana e fazer uma pesquisa para ver o horário que os potenciais clientes checam suas caxas de entrada.

Os médicos e professores, por exemplo, normalmente não tem disponibilidade para abrir seus e-mails durante o dia. Já secretárias e profissionais que trabalham com marketing digital e Inbound Marketing, por exemplo, estão sempre conectados e podem abrir seus e-mails todos os dias.

7. Tenha cuidado com o português

Já imaginou receber um e-mail cheio de erros de português de uma empresa que está tentando vender um produto ou serviço para você? Pois então, seria desagradável, não é mesmo?

Então, não deixe que isso aconteça com a sua empresa também.

Após escrever um e-mail marketing, verifique a ortografia e não deixe que o mesmo seja enviado com erros. Pode ter certeza que, com essa atitude, os leads ficarão ainda mais contentes e engajados com a sua empresa.

E aí, gostou do conteúdo sobre e-mail marketing? Então, deixe seu comentário! Com certeza ele será muito importante para seguirmos trazendo conteúdos como esse para o blog.

Leave A Comment

istanbul escort
kartal escort